Governador assina ordem de serviço do Hospital Metropolitano e da Estrada do Quingoma em Lauro de Freitas e anuncia reforma do Menandro

O governador Rui Costa assinou a Ordem de Serviço para início das obras do Hospital Metropolitano e da Estrada do Quingoma, em cerimônia realizada nesta segunda-feira (04), no Capelão – Lauro de Freitas, local onde vai ser construído o novo equipamento de saúde. “Tenho orgulho de quebrar marcos na história da gestão pública. Em quatro anos nenhum governo fez o investimento na saúde que nós estamos fazendo”, declarou.


A prefeita de Lauro de Freitas Moema Gramacho agradeceu a Deus pela vinda do hospital para o município, um investimento de R$ 114,89 milhões, que beneficiará a Bahia toda pela grandeza da obra. “Além do benefício à saúde, o hospital vai trazer desenvolvimento social. Sou muito grata ao governador Rui Costa por tudo que tem feito pela RMS e principalmente por Lauro de Freitas”.


Na área terraplanada, máquinas e operários sinalizam que a obra já começou. Além do Hospital Metropolitano, o governador assinou a ordem de serviço para a construção de 2,6 quilômetros da Estrada do Quingoma (Rua Djanira Maria Bastos), via que também dará acesso ao novo hospital. Drenagem, pavimentação asfáltica, contenção e calçadas estão dentro do contrato de R$3,5 milhões, assegurados por emenda parlamentar de 2009 da então deputada federal Lidice da Mata.
Sob aplausos da multidão que lotou o espaço reservado à cerimônia, Rui anunciou ainda a inauguração da Estação Aeroporto do metrô em março, a entrega da Via Metropolitana em abril, e a reforma do Hospital Menandro de Faria, que será passado ao município para funcionar como unidade materno-infantil, assim que as obras do Metropolitano forem concluídas.


Durante a cerimônia, o governador foi homenageado pelos pacientes operados no Mutirão de Cirurgias. Lauro de Freitas foi recorde no programa com a realização de 1.076 cirurgias, 30% deles oriundos de Salvador. O governador ainda entregou 134 certificados para empreendedores individuais qualificadas no Programa Vida Melhor, e equipamentos individuais para 85 beneficiários.

PRESENTE PARA LAURO
O terceiro maior hospital do Estado, que vai ocupar uma área de 90 mil metros quadrados, prestará atendimento a população dos 13 municípios que compõem a Região Metropolitana de Salvador (RMS). Serão 265 leitos com atendimento de urgência e emergência, UTI, Unidade de Atenção ao Acidente Vascular além de internação e oito salas cirúrgicas, uma de ressonância magnética, uma de tomografia e duas salas de Raio-X.
O Hospital Metropolitano vai realizar cerca de 300 atendimentos de alta complexidade por dia, beneficiando moradores de Camaçari, Candeias, Dias D’Ávila, Itaparica, Lauro de Freitas, Madre de Deus, Mata de São João, Pojuca, Salvador, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Simões Filho e Vera Cruz.


Morador há 40 anos do Capelão, João Silva confessou estar muito contente com a chegada do hospital. “Vai ser excelente para o município ter mais uma opção de atendimento à saúde da comunidade”. O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, falou que a intenção é justamente essa de atender as necessidades dos cidadãos. “O hospital vai dispor de equipamentos de alta qualidade o que vai reduzir as demandas dos outros hospitais estaduais. Acreditamos que a saúde é prioridade por isso buscamos trazer benefícios socais e lutar por um sistema de saúde mais justo e amplo”.


Rui anunciou também a disponibilidade da verba de 73 milhões para ampliação do parque de reserva de água, 193 milhões para coleta de esgoto e 188 milhões para macrodrenagem dos rios Ipitanga e Joanes. Classificando a prefeita como “baixinha arretada” o governador desejou boa sorte para o mandato de Moema. “Sei que Moema é uma prefeita corajosa, que gosta de cuidar do povo e não se nega a aceitar as parcerias que o governo propõe. Quero voltar pra inaugurar ainda muitas obras em Lauro de Freitas”, finalizou.


     

Você pode gostar...