Vitória supera Bragantino e garante vaga na próxima fase da Copa do Brasil

Em uma partida que teve atuação irregular, o Vitória garantiu, na noite desta quarta-feira (22), a passagem para a terceira fase da Copa do Brasil. O Leão superou o Bragantino pelo placar de 3 a 2, em confronto único que foi realizado no Barradão e reservou muitas emoções para os torcedores que foram ao santuário rubro-negro, onde André Lima, Cleiton Xavier e Fred marcaram para garantir o time de Argel vivo na competição nacional.

O jogo

Após 20 minutos de um início de jogo que mostrava superioridade técnica mas pouca organização, o Vitória se aproveitou de uma bola parada para abrir o placar e abrir caminho par a classificação. Em cobrança de escanteio da direita, José Welison encontrou André Lima, que ganhou da marcação e cabeceou firme SM defesa para o goleiro adversário: Vitória 1 a 0.

Logo aos 27 veio o segundo, resultado de mias um belo cruzamento do agora lateral direito José Welison, colocando na cabeça do meia Cleiton Xavier, que teve categoria para tirar do arqueiro: Vitória 2 a 0.

Herói nos dois primeiros gols, José Welison acabou sendo responsável também pelo gol que acabou recolocando os paulistas na disputa, aos 34. Em cruzamento sem perigo ara a área, o atleta rubro-negro segurou o adversário e a arbitragem apontou pênalti e favor do Bragantino, que o atacante Vitor não desperdiçou diminuindo o placar: 2 a 1 Vitória.

Logo após o gol dos paulistas, o Vitória tentou responder e por pouco não voltou a ampliar. Em bela jogada pela esquerda, Piñeda passou por três adversários antes de bater firme, mas o goleiro mandou para escanteio.

Segundo tempo

Após o susto no fim da primeira etapa, o Vitória voltou para o tempo complementar e mais uma vez ampliou o placar no Barradão. Em linda cobrança de falta, o zagueiro Fred mostrou categoria mais uma vez e marcou o terceiro gol do Leão: Vitória 3 a 1.

Aos 24, o Vitória teve um gol anulado em lance duvidoso. Paulinho, que tinha acabado de entrar na partida, aproveitou cruzamento rasteiro de Cleiton Xaxier e mandou para as redes, mas o auxiliar apontou impedimento no lance.

Sem definir o duelo, o Vitória foi castigado em apagão na marcação da equipe rubro-negra, que deu liberdade para Guilherme Matis avançar com a bola e cruzar rasteiro para Daniel Ferreira diminuir mais uma vez: Vitória 3 a 2.

Já nos acréscimos, Cleiton Xavier teve a última oportunidade, após receber de Paulinho, mas desta vez o meia experiente mandou longe do gol.


     

Você pode gostar...