Ex-ministra repudia posts que apontam filha como anoréxica e drogada

Foto: Mateus Pereira/ GOVBA
Foto: Mateus Pereira/ GOVBA

 

Após a filha virar foco de debate na internet, a deputada federal Maria do Rosário (PT) prometeu acionar a Polícia Federal para apurar postagens nas redes sociais que a acusam de não ter condições de criar a jovem de 16 anos, apontada como anoréxica e dependente de drogas.

De acordo com a petista, a adolescente é vítima de manipulação de criminosos e os responsáveis pelo conteúdo propagado serão identificados e responderão pelos crimes.

“Eu e o meu esposo Eliezer Pacheco estamos indignados e repudiamos com veemência os atos criminosos de quem manipula imagens e informações, expondo uma menina de 16 anos. Sabemos que todos os pais e mães têm preocupação com a exposição de seus filhos e filhas na Internet. Não há dúvida que este tipo de divulgação manipulada gera efeitos gravemente nocivos de dimensão imensurável às vítimas”, diz trecho da nota emitida nesta quarta-feira (22) pela ex-ministra da Secretaria de Direitos Humanos.

Confira o comunicado na íntegra:

“Minha filha está sendo vítima de criminosos nas redes sociais. Como mãe não medirei esforços para protegê-la, como faço todos os dias da minha vida. Já tomei as medidas cabíveis e estou fazendo todas as denúncias possíveis para que os bandidos que atacam minha família sejam identificados e severamente responsabilizados. Nenhuma família merece passar por isto.

Eu e o meu esposo Eliezer Pacheco estamos indignados e repudiamos com veemência os atos criminosos de quem manipula imagens e informações, expondo uma menina de 16 anos.

Sabemos que todos os pais e mães têm preocupação com a exposição de seus filhos e filhas na Internet. Não há dúvida que este tipo de divulgação manipulada gera efeitos gravemente nocivos de dimensão imensurável às vítimas.

É revoltante que minha filha seja atacada pelas minhas posições e por minha atuação em defesa da dignidade humana. Não permitirei que minha filha seja desrespeitada.

Aos que têm o objetivo de me prejudicar e atingir minha família, afirmo que não conseguirão.

Maria do Rosário Marques”.


     

Você pode gostar...