REI MOMO DE SALVADOR 2016 RECEBERÁ EMBAIXADOR CANADENSE NO PELOURINHO

Duzinho Nery, atual Rei Momo do Carnaval de Salvador foi convidado pelo Presidente do Grupo Gay da Bahia para recepcionar o Embaixador do Canadá nesta sexta-feira (04), na sede da entidade no Pelô.
 O Rei Momo do Carnaval de Salvador 2016 Duzinho Nery entre o Prefeito de Salvador ACM Neto e o Governador da Bahia, Rui Costa
Eu, na função de Rei Momo do carnaval de Salvador, maior festa popular de rua do mundo, estarei nesta sexta-feira, ás 18h na sede do Grupo Gay da Bahia no Centro Histórico de Salvador para receber e dar boas-vindas ao Embaixador Riccardo Savone do Canadá. Visita importante e muito significativa, não somente para o GGB, mas para toda a população LGBT de Salvador e da Bahia.
O Embaixador possui um relacionamento homoafetivo estável há mais de dez anos, e isso não é empecilho para que ele exerça com habilidade e competência a função de Embaixador e de representante do Canada, país rico, maravilhoso, com índices espetaculares de desenvolvimento humano.
 Na foto acima Paulett Furacão a primeira Transexual a assumir um cargo no Governo da Bahia, Duzinho Nery Rei Momo de Salvador 2016, professor Luiz Mott decano do movimento LGBT no Brasil e Marcelo Cerqueira, presidente do GGB. Ambos torcendo para Duzinho Nery no concurso do Rei Momo de Salvador, na Biblioteca Central nos Barris, no dia 29 de janeiro de 2016.
Lastimamos que aqui no Brasil os diplomatas tenham de omitir a sua orientação sexual ou viver uma vida clandestina dupla. Mas isso porque não existe uma política que estimule os LGBTs a seguir esse tipo de carreira.
Fico contente por um motivo, o Brasil e o Canada são Nações amigas, a prova disso é que se aboliu visto de ingresso naquele pais, um avanço. Isso é bom porque quanto mais entrosamento que reforce a relação e se construa um intercâmbio entre as culturas, fortalecendo o vínculo de respeito entre os países.
O Canada é modelo para o mundo em relação ao respeito aos direitos LGBT, foi o terceiro país que reconheceu as relações homoafetivas, estendendo o direito ao casamento sem restrição.
O Brasil precisa se espelhar em nações como esta para avançar, principalmente para nós que somos partes da comunidade LGBT e sentimos na pele a dor do preconceito e da triste homofobia, que é uma patologia social que afeta vergonhosamente o nosso país.
Evoé!!!
Duzinho Nery

     

Você pode gostar...